O concurseiro é um estrategista

04 de Maio de 2011 Concursos
Quem estuda para concursos há algum tempo sabe que estudar com a incerteza da data de publicação do edital não é tarefa fácil, principalmente para os concurseiros que têm como meta um concurso específico. Ainda que os professores sempre orientem que estudar antes do edital é algo positivo, alguns concurseiros não conseguem faze-lo. As distrações diárias e ansiedades são muitas, mas, com uma boa estratégia de estudo para driblar alguns pontos fracos o concurseiro terá vencido mais este desafio.

O principal problema enfrentado pela maioria quanto a estudar sem o edital é a incerteza de que o que está estudando será realmente cobrado em prova. Além do mais, a falta da "pressão" de uma data marcada para prova, ou seja, tempo demais para estudar, tende a levar as pessoas à indolência.

Estes problemas são relevantes por mexerem com a motivação do concurseiro, logo, para modificar isso, precisará fazer um trabalho de conscientização pessoal. O primeiro passo para elaborar sua estratégia de estudo é enfrentar seus vícios e limitações.

Utilize as incertezas a seu favor, claro que a matéria sempre cobrada no concurso pode neste não cair, mas aí já é uma questão de sorte. Se você pesquisou os últimos quatro editais do concurso e todos cobraram esta disciplina, então a estude, pois as chances dela cair são grandes. Nota-se que muitos concursos são tradicionais em sua forma e raramente mudam as matérias cobradas, isto pode ser visto em concursos da área militar, fiscal e tributária.

Mesmo assim, se você estiver em dúvida quanto à matéria ser ou não cobrada, pode optar por estudar primeiro as matérias básicas, aquelas disciplinas coringas que sempre caem: Língua Portuguesa, Informática, Direito Constitucional e Direito Administrativo.

Bom, se a questão da matéria não é problema para você, mas sim a falta de pressão, o melhor é substituí-la por algo mais saudável emocionalmente, ou seja, ao invés de alimentar sua tensão, desenvolva sua disciplina. O concurseiro que trabalha esta qualidade em si próprio, com certeza estará à frente na conquista do emprego público. Lembre-se que algumas pessoas são mais disciplinadas que outras, mas esta é uma qualidade que qualquer um pode adquirir, basta desenvolvê-la.

O importante é não se esquecer de que em alguma fase de sua jornada como concurseiro, você precisará estudar sem edital. Saiba, nessa hora, ser um bom estrategista.

Fonte: Editora Impetus

Visitas: 322
Categorias: Todas as Notícias | Área Jurídica | Área Policial | Carreiras | Concursos | Concursos | Entrevista | Eventos | Facebook | OAB

0 Comentário(s)