TRE-PE: saiu concurso para 2° e 3° graus

23 de Setembro de 2011 Concursos
Eis a boa notícia: saiu o edital do concurso para o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE). A oferta imediata é de 32 vagas, sendo 11 para técnico judiciário da área administrativa, que exige nível médio, e 21 para analista judiciário, que requer curso superior. Mas, o presidente do tribunal, o desembargador Ricardo Paes Barreto, garantiu à FOLHA DIRIGIDA que a intenção é convocar mais aprovados.

"Nós iremos chamar, de imediato, as pessoas que passarem dentro do quantitativo de vagas do edital e depois vamos repondo à medida em que os cargos forem ficando vagos, dentro da validade da seleção (dois anos, prorrogável por igual período)", afirmou Ricardo.

Para técnico judiciário, a remuneração é de R$4.652,17 e para os analistas, os rendimentos são de R$7.210,60. Os valores incluem salário básico, Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ), vantagem pecuniária e auxílio alimentação, de R$599,21. Além dos ganhos iniciais, outro atrativo é que a contratação é feita pelo regime estatutário, garantia de estabilidade profissional.

Os interessados deverão se inscrever no site da Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora, a partir das 10h do dia 6 de outubro até as 14h do dia 4 de novembro. Ao concluir o cadastro, será preciso imprimir a Guia de Recolhimento da União (GRU), de R$52 para técnicos e R$65 para analistas, e pagá-la no Banco do Brasil, até o fim do prazo. É permitida a inscrição em mais de uma vaga, desde que os horários de aplicação de prova não coincidam.

Será concedida isenção aos inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal que tenham renda familiar mensal de até três salários mínimos ou per capita de até meio salário. A solicitação do benefício deverá ser feita entre os dias 6 e 10 de outubro, no site da FCC.

São reservadas três vagas para portadores de deficiência, sendo uma para técnico e duas para analista. Quem quiser concorrer nesta modalidade terá que declarar sua condição no ato de inscrição e enviar o laudo médico, via Sedex, à organizadora, até 4 de novembro.

Seleção - No dia 11 de dezembro, os candidatos serão submetidos a prova objetiva e, os de nível superior, também a uma redação. Os exames serão aplicados na período matutino para os candidatos a analista judiciário e à tarde para os concorrentes a técnico.

O teste será composto por 20 quetsões de Conhecimentos Básicos e 40 de Conhecimentos Específicos. Para os técnicos, os conteúdos básicos versarão sobre Português, Noções de Informática e Noções de Arquivologia, enquanto as disciplinas específicas abordarão noções sobre Direito Constitucional, Direito Eleitoral, Direito Administrativo e Administração.

Devolução das taxas - O TRE-PE já iniciou o processo de devolução das taxas de inscrição do último concurso, anulado por problemas na organização das provas, de responsabilidade da Fundação Conesul. O ressarcimento deve ser solicitado no site do tribunal ou, para os que não têm acesso à internet, nos cartórios eleitorais do estado.

Os participantes terão até 19 de setembro de 2012 para pedir a restituição dos valores, de R$13,68 para técnico judiciário e R$18,24 para analista judiciário, que será feita atravé do Banco do Brasil.

Fonte: Folha Dirigida

Visitas: 125
Categorias: Todas as Notícias | Área Jurídica | Área Policial | Carreiras | Concursos | Concursos | Entrevista | Eventos | Facebook | OAB

0 Comentário(s)