Concurso para diplomata terá 30 vagas

05 de Janeiro de 2012 Concursos
O Ministério das Relações Exteriores divulgou, por meio de portaria no "Diário Oficial da União" desta terça-feira (3), as normas do concurso do Instituto Rio Branco, para a carreira de diplomata de 2012. Serão oferecidas 30 vagas na seleção.

O Ministério das Relações Exteriores escolheu o Cespe/UnB, da Fundação Universidade de Brasília, para organizar o concurso. A justificativa é que a instituição tem dedicação ao ensino e à pesquisa, com inquestionável reputação ético-profissional e sem fins lucrativos.

O candidato deve ter nível superior em qualquer área de formação. O salário inicial é de R$ 12.962,12.

Segundo a portaria, o concurso terá, na primeira fase, prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, constituída de questões de português, de história do brasil, de história mundial, de geografia, de política internacional, de inglês, de noções de economia e de noções de direito e direito internacional público.
Será estabelecida reserva de vagas na primeira fase para candidatos afrodescendentes.

A segunda fase constará de prova discursiva eliminatória e classificatória de português.

Será estabelecida nota mínima para a prova de português.

A terceira fase constará de provas discursivas de história do brasil, de geografia, de política internacional, de inglês, de noções de economia e de noções de direito e direito internacional público. As seis provas da terceira fase terão peso equivalente. Será estabelecida nota mínima para o conjunto das provas da terceira fase.

A quarta fase constará de provas escritas de espanhol e de francês, de caráter exclusivamente classificatório. Cada uma das provas da quarta fase terá peso equivalente à metade do peso de cada uma das provas da terceira fase.
O último concurso para diplomata, que ofereceu 26 vagas, também foi organizado pelo Cespe/UnB neste ano. Se inscreveram 7.180 candidatos (276,15 por vaga).

O diplomata representa, negocia, informa e protege os interesses brasileiros internacionalmente. Os selecionados trabalharão no Itamaraty, no Distrito Federal, na sede do Ministério das Relações Exteriores.

Fonte: Portal G1

Visitas: 124
Categorias: Todas as Notícias | Área Jurídica | Área Policial | Carreiras | Concursos | Concursos | Entrevista | Eventos | Facebook | OAB

0 Comentário(s)