Inscrições abertas para 2º e 3º graus. Até R$10.405

04 de Janeiro de 2013 Concursos
Quem quer conquistar em 2013 um emprego na área federal com boa remuneração não pode perder esta oportunidade:já estão abertas as inscrições do concurso para técnico administrativo (nível médio) e profissional básico (nível superior) do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Para se candidatar à carreira de nível superior, é preciso ter graduação em Administração, Análise de Sistemas/ Desenvolvimento, Análise de Sistemas/Suporte, Arquitetura, Arquivologia, Biblioteconomia, Comunicação Social, Contabilidade, Direito, Economia, Engenharia ou Psicologia.

Para assegurar a participação na seleção, é preciso acessar o site da Fundação Cesgranrio (organizadora) até 27 de janeiro, preencher a ficha de cadastro, escolher a cidade onde quer realizar as provas e imprimir o boleto para efetuar o pagamento da taxa, de R$35 (médio) e R$64 (superior), em qualquer agência até o último dia do prazo.

Quem não tiver acesso à internet poderá efetuar a inscrição em um dos postos de atendimento até 25 de janeiro. Poderá solicitar a isenção da taxa quem estiver inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e for membro de família de baixa renda. Os pedidos deverão ser feitos entre esta quinta, dia 3, até a próxima segunda, 7 de janeiro, pelo site da organizadora ou no posto.

O concurso, que inicialmente é destinada à formação de cadastro de reserva, no Rio de Janeiro, oferece ótimas remunerações: R$4.148,82 para técnico administrativo e R$10.405.04 para profissional básico. Os valores já incluem R$399,08 de auxílio-alimentação e R$823,95 de auxílio-refeição. A carga de trabalho é de 35 horas semanais, para todos.

Apesar do concurso ser para formação de cadastro de reserva, o BNDES tem por tradição chamar muitos aprovados durante o prazo de validade de seus concursos (o atual é de um ano, prorrogável por igual período). Nas seleções anteriores para os mesmos cargos, foram convocados um total de 478 aprovados, sendo 64 técnicos administrativos, 82 administradores, 36 analistas de sistemas, um arquiteto, dois arquivologistas, quatro biblioteários, seis profissionais de comunicação social, oito contadores, 43 advogados, 64 economistas, 164 engenheiros e quatro psicólogos.

Serviço
Inscrições online:CESGRANRIO
Posto de inscrição: Avenida Rio Branco, 173, Centro, Rio de Janeiro


Provas marcadas para o dia 3 de março


O concurso do BNDES será constituído por provas objetivas, além de uma redação, para técnico administrativo, e avaliação discursiva, para profissional básico. Os exames estão marcados para o dia 3 de março, mas o horário e locais ainda serão informados pela Fundação Cesgranrio. Para técnico administrativo, a prova objetiva constará de 70 questões, sendo 25 de Língua Portuguesa, 25 de Matemática, oito de Língua Estrangeira, seis de Conhecimentos Específicos sobre o BNDES e seis sobre Conhecimentos Gerais. Só terá a redação corrigida aquele que estiver entre os 660 primeiros colocados e obtiver 50% do total de pontos no exame de múltipla escolha.

Já os que concorrerem a profissional básico passarão por uma prova objetiva que constará de 70 questões, sendo 30 de Conhecimentos Básicos (Língua Portuguesa e Língua Estrangeira) e 40 questões de Conhecimentos Específicos. Terão as avaliações discursivas (cinco questões de Conhecimentos Específicos) corrigidas os candidatos que estiverem classificados entre os 660 primeiros colocados e obtiver 60% do total de pontos no exame de múltipla escolha.

Os candidatos devem ficar atentos ao cargo escolhido, já que não é possível concorrer a duas funções, sendo preciso optar apenas por técnico administrativo ou profissional básico. Inicialmente, a lotação será no Rio de Janeiro. No entanto, o classificado no concurso poderá ser alocado em uma unidade do BNDES localizada em outro estado, inclusive no exterior. Além do Rio de Janeiro, as provas serão aplicadas em São Paulo, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Salvador. Os aprovados serão contratados pelo regime celetista.


Técnico administrativo: veja programa oficial

LÍNGUA PORTUGUESA: Ortografia oficial. Acentuação gráfica. Crase. Flexão nominal e verbal. Emprego das classes e palavras. Emprego de tempo e modo verbais. Vozes verbais. Concordância verbal e nominal. Regência nominal e verbal. Análise Sintática: coordenação e subordinação. Pontuação. Interpretação de texto.

MATEMÁTICA: 1 - Noções de estatística - Apresentação de dados. População e amostra. Distribuição de frequências. Probabilidade. Medidas de posição e de dispersão. Números-índices. 2 -Noções de Contabilidade - Princípios contábeis. Conceitos. Campos de aplicação da contabilidade. Patrimônio. Origem e aplicação dos recursos. Escrituração contábil. 3 - Matemática - Números inteiros, racionais e reais. Problemas de contagem. Sistema legal de medidas. Problemas envolvendo as quatro operações nas formas fracionária e decimal. Razões e proporções. Divisão proporcional. Regra de três simples e composta. Porcentagens. Equações e inequações de 1º e 2º graus. Sistemas lineares. Funções e gráficos. Sequências numéricas. Múltiplos e divisores. Máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum. Juros simples e compostos. Capitalização e operações de desconto. Equivalência de capitais. Taxa de juros: nominal, efetiva, equivalente, real e aparente. Raciocínio lógico.

LÍNGUA ESTRANGEIRA: Conhecimentos básicos. Interpretação de textos. Vocabulário. Aspectos gramaticais.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS SOBRE BNDES: Lei 4.595 de 31/12/1964. Sistema Financeiro Nacional: artigos 1º, 17º, 18º, 22º ao 24º. Lei 5.662 de 21/06/1971: artigos 1º, 3º, 5º, 6º e 10º. Estatuto Social do BNDES (aprovado pelo Decreto 4.418 de 11/10/2002): artigos de 1º ao 10º.

CONHECIMENTOS GERAIS: Política, Economia, Educação, Tecnologia, Energia, Relações Internacionais, Ecologia e Cidadania.

Fonte: Folha Dirigida

Visitas: 131
Categorias: Todas as Notícias | Área Jurídica | Área Policial | Carreiras | Concursos | Concursos | Entrevista | Eventos | Facebook | OAB

0 Comentário(s)