Saiu edital para 316 vagas temporárias. Até R$8.300

29 de Junho de 2015 Concursos


O Ministério da Educação (MEC) publicou edital de processo seletivo que pretende preencher 316 vagas temporárias, em cargos do nível superior. Há oportunidades para funções como desenvolvedor, administrador de rede, analista de sistemas, engenheiro civil/arquiteto, gerente de projetos, entre outras. 
 
As remunerações variam de R$3.800 a R$8.300, com carga de trabalho de 40 horas por semana. Os contratados serão lotados em Brasília, no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), na Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e no Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). A duração do contrato será de um ano, podendo ser prorrogado até o limite de cinco anos. A seleção terá validade de um ano, com possibilidade de prorrogação por igual período. 
 
Para se inscrever, o candidato deverá acessar o site do Cespe/UnB, que organiza o processo seletivo, a partir das 10 horas do dia 3 de julho até o fim do dia 22 de julho. Há cobrança de taxa, que varia de R$90 a R$120, dependendo do cargo escolhido. Quem desejar solicitar a isenção do valor deverá preencher o requerimento no endereço eletrônico da banca.
 
A seleção terá prova objetiva, de caráter classificatório e eliminatório, aplicada no dia 13 de setembro, no turno da manhã. Serão 60 questões de Conhecimentos Básicos e 70 de Conhecimentos Específicos. Será eliminado o candidato que não conseguir, no mínimo, 12 pontos na primeira e 21 na segunda, ou ainda, não somar 39 pontos na soma das duas.

Fonte: Folha Dirigida

Visitas: 504
Categorias: Todas as Notícias | Área Jurídica | Área Policial | Carreiras | Concursos | Concursos | Entrevista | Eventos | Facebook | OAB

0 Comentário(s)